Amazon planeja venda de medicamentos online

A Amazon está pensando em entrar no mercado farmacêutico para vender medicamentos e, segundo informações da CNBC, a gigante do e-commerce, aparentemente, vai decidir essa questão antes do Dia de Ação de Graças, que acontece no final de novembro.

Em geral, a empresa passa anos investigando um mercado antes de expandir os seus negócios e analistas estimam que o setor de medicamentos prescritos nos Estados Unidos gira em torno de US$ 560 bilhões por ano.

Se decidir fazer esse movimento, a Amazon começará a expandir sua equipe sênior com especialistas na cadeia de suprimentos farmacêuticos. Além disso, no ano passado, a companhia aumentou sua contratação e consultou com dezenas de pessoas sobre um possível movimento no mercado.

Relatórios da Goldman Sachs também afirmam que a Amazon acabará melhorando a transparência de preços para os consumidores e reduzir os custos. Vale lembrar que a empresa já vende suprimentos médicos online, como gaze e termômetros.

Fonte: Amazon